segunda-feira, 15 de junho de 2015

JUIZ DE RODEIO EDSON MATSUDA DE ADAMANTINA É PRESO NO PARAGUAI

Ele é acusado de ter matado a tiros o coordenador de uma clínica terapêutica de reabilitação de dependentes químicos, em Bragança Paulista. O crime ocorreu em Novembro de 2014.



O médico veterinário ex-juiz e ex-organizador de rodeio em Adamantina estado de São Paulo, Edson Iwao Matsuda (48) foi preso na manha de sexta feira (12) na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero na fronteira com Ponta Porã no estado de Mato Grosso do Sul por agentes da Policia Nacional do Paraguai, o mesmo se encontrava utilizando documentações falsas. 

Ele é acusado de ter matado a tiros o coordenador de uma clínica terapêutica de reabilitação de dependentes químicos, em Bragança Paulista, onde Matsuda era interno na clínica e foi flagrado pelo sistema de monitoramento entrando no local e em seguida, saindo com uma arma na mão; logo após o coordenador do local, Fernando Prado Nogueira foi encontrado morto por agentes da policia. 

As imagens mostram que o funcionário da clínica acessa o estacionando com seu veículo, seguido de Matsuda que para o veículo, Hyundai/Tucson, enfrente à clínica e entra no local. Em seguida, o médico veterinário sai do prédio e corre em direção ao carro. As imagens não mostram o momento da execução.

Edson é adamantinense e tem familiares que residem na cidade até hoje. Ele organizou edições consecutivas da festa do peão em Adamantina com o RTA (Rodeio Técnico de Adamantina), além disso, é conhecido no universo do rodeio por ter sido considerado um dos melhores juízes de montaria do Brasil.

Matsuda teria se afastado deste meio para iniciar tratamento e terminou executando a tiros Fernando Prado Nogueira, posteriormente fugiu ao Paraguai onde residia e estudava medicina em uma conceituada faculdade da cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero. 

A prisão de Edson Iwao Matsuda, foi comunicada aos agentes policiais do Brasil e ele devera ser expulso do Paraguai e entregue aos agentes do Departamento Operações de Fronteira nas próximas horas, para responder pelo crime de homicídio.

 Tupã Noticias com informações Site: Marechal News

ANÚNCIOS


Um comentário:

Elvira Junqueirs disse...

Há de se olhar os dois lados da historia,Edson Matsuda foi sistematicamente torturado fisica e emocionalmente nessa suposta clinica de tratamento que inclusive foi fechada por diversas irregulariedades.